Seguidores- Siga nosso Blog

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Sérgio's books #24



Neste livro são narradas as aventuras dos antigos reis e rainhas de Nárnia que voltam a esta terra magnífica a cerca de 1300 anos no tempo de Nárnia (um ano em nosso mundo) depois de terem deixado-o no final do livro O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa. No período em que os quatro irmãos Pevensie (os Antigos Reis) estão fora de Nárnia, esta é invadida pelos telmarinos.
Os verdadeiros habitantes de Nárnia (animais falantes e criaturas mitológicas) tiveram que se esconder fora do território conquistado pelos telmarinos, mas o príncipe Caspian, detentor do direito de sucessão ao trono de Telmar (e, por conseguinte, de Nárnia), gostaria de reviver a antiga forma de viver em Nárnia. Para isso irá contar com a ajuda dos antigos reis invocados do nosso mundo através da trompa mágica que Susana havia recebido, e também com a ajuda do leão Aslam.
Os telmarinos não pertencem ao mundo de Nárnia. Eles são, na verdade, piratas do nosso mundo que se perderam em uma ilha, e nesta ilha encontraram uma caverna mágica que levava ao mundo de Nárnia. Telmar fica ao Oeste de Nárnia, e os telmarinos só invadem esta última quando Telmar passa por uma grande escassez de alimentos.
Apesar de também ser telmarino, o príncipe Caspian gostava muito de ouvir histórias sobre a antiga Nárnia da época de ouro. Naqueles dias seu tioMiraz era rei por ter deposto o pai de Caspian, o rei Caspian IX, através de manobras políticas e golpes planejados. Como Miraz não tinha filhos, ele se cuidava para que o príncipe Caspian não o sucedesse no trono.
Certo dia Miraz conseguiu ter um filho legítimo, o que obrigou o príncipe Caspian a fugir, levando ele de encontro aos antigos habitantes de Nárnia, que vêem nele a figura do verdadeiro rei. Organizam então uma batalha contra os telmarinos, mas só vencem quando chega a ajuda dos antigos reis e rainhas de Nárnia, e do próprio Aslam. A guerra entre telmarinos e narnianos dura vários dias, até que os antigos reis chegam para ajudar.
Mesmo assim, os telmarinos, que têm medo de árvores, só concordam em deixar Nárnia depois de ver um batalhão de espíritos de árvores despertas marchando na direção deles. Então o príncipe Caspian assume o trono como rei. Aslam diz então que Susana e Pedro já estão grandes demais para voltar à Nárnia, mas Edmundo e Lúcia ainda voltariam mais uma vez conforme é relatado em A Viagem do Peregrino da Alvorada.

MINHA NOTA: 9,60


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor não xingue nem fale nada abusivo. Tempo para responder comentários: Entre 6-24h.

Qualquer cometário com propaganda ou xingamentos será deletado.
Se quer divulgar seu blog, nos envie um e-mail propondo parceria.