Seguidores- Siga nosso Blog

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Creepypasta #26- Para servir os homens


- O senhor deseja algo?
- Um café.
- Açúcar ou adoçante?
- Açúcar.
- Aqui está. O almoço será servido em breve.
- Não quero comer.
- Por favor, o senhor precisa comer. Precisa se manter bem alimentado.
- Já disse que não quero comer, seu babaca!
- Tudo bem, a comida será servida. Coma quando achar melhor.
- Que horas são na terra?
- Aproximadamente três da tarde.
- Tudo bem, me deixe sozinho.
- Como o senhor quiser. Deseja algo a mais?
- Eu quero meu diário.
- Assim como desejar.



----------------------------------------------------

19 de Março de 2056

A N.A.S.A informa a entrada de um objeto não identificado gigantesco em nosso sistema solar. A coisa que parece viajar um pouco abaixo da velocidade da luz parece ser uma máquina. Não se parece com nada documentado.

27 de Março de 2056

As criaturas aterrissaram na terra. Magros, porém com uma força descomunal; cerca de três metros e meio de altura; as cabeças completamente desproporcionais; e com um discurso até clichê: "Viemos em paz". Invadiram uma conferencia da ONU. Recebidos de forma hostil, mostraram estar dispostos a colaborar. Revelaram detalhes de sua tecnologia e sobre suas origens.

28 de Março 2056

Nenhum terráqueo se quer conseguiu dormir com a presença desses seres em nosso planeta. Ainda mais com o governo ocultando cada passo dado. Hoje visitamos a nave mãe. O maior laboratório que já vi em toda minha vida. Apesar de não conhecer ou entender nada dos aparelhos de lá, tudo era fascinante e parecia muito complexo.

02 de Abril de 2056

Fomos convidados pelos Kanamitas, assim como eles eram chamados, a participar de algumas demonstrações na nave mãe. O Líder deles nós explicou que os problemas da terra eram até engraçados de tão simples e que eles em poucas semanas os resolveriam.

12 de Abril de 2056

O motivo pelo qual os Kanamitas escolheram a terra para essa ajuda ainda não foi muito bem explicado, pois segundo eles, ainda há muitos planetas a serem visitados. Os testes e troca de relações continuam, trancada a sete chaves aqui na Área 51. Fomos apresentados há um grande reservatório que demonstrava seu ecossistema e também a uma enorme biblioteca.

17 de Abril de 2056

Eu e mais um grupo de 234 pessoas, incluindo cientistas, militares, políticos fomos convidados a integrar o grupo de relações alienígenas. Uma necessidade devido as grandes oportunidades nos apresentadas pelos Kanamitas. Estamos aguardando um pronunciamento importante prometido por eles.

26 de Abril de 2056

Não tenho tido tempo para escrever aqui. Muitas mudanças aconteceram, não sei nem como descrever. Desertos se transformaram em fontes d'água, o índice de criminalidade diminuiu em 93%, com armamentos antiquados destruídos e novos métodos de defesa mais eficazes e menos agressivos, quase todas as guerras que ocorriam foram interrompidas. A Terra está evoluindo, e pela mão de quem se quer é daqui.

03 de Maio de 2056

Sei que isso pode me custar caro. Suspensão de meus cargos ou até expulsão do projeto. Mas não resisti. A atenção e cuidado que davam a um livro em especial na biblioteca me intrigou. Minha curiosidade falou mais alto e surrupiei o livro. Venho estudando o idioma Kanamita. Estou comparando os ideogramas da capa com algumas outras escritas traduzidas por eles. Parece que não vou chegar a lugar nenhum.

12 de Maio de 2056

O anúncio finalmente foi feito. O líder deles nos informou que a Terra passará por um grande colapso em poucos anos. Eles querem esvaziar o planeta. Levar-nos até o planeta natal deles, para evitar que a vida terrestre seja extinta. Durante esse tempo de estudo percebi a benevolência deles em querer preservar a biodiversidade universal. Talvez por isso essa raça superior tenha evoluído tanto... Ou vice versa.

15 de Maio de 2056

As páginas desse livro cada vez me intrigam mais. Eu quase consigo ler naturalmente as páginas, soa tudo tão familiar. Chamei Suzana Apollo, doutorado em línguas, uma ajuda muito útil para decifrar esses ideogramas.

21 de Maio 2056

Tudo está estranho. Já não bastasse uma invasão Alien, acho que estou me apaixonando por Suzana. Ela é inteligente, linda, divertida; não posso misturar meus sentimentos ao profissional. O destino de toda humanidade pode estar em nossas mãos. Preciso esquecer um pouco isso e me dedicar mais aos estudos. As primeiras viagens para o planeta Kanamita começam em três dias.

24 de Maio de 2056

As primeiras cápsulas tripuladas foram enviadas para o Planeta Kanamita, a viagem dura cerca de uma semana. Cerca de 150 humanos embarcaram. Minha relação com Suzana agora ganha novo rumo. Sinto que estamos menos colegas de trabalho e mais amigos. Gostaria de lhe revelar o que sinto.

30 de Maio de 2056

Após quase um mês conseguimos decifrar a capa e parte da primeira página do livro. Não conseguimos entender muito bem o contexto dos termos presente em toda a obra. A capa diz: Como servir os homens. A primeira página apresenta alguns tópicos como; maneira de falar em todos os nossos idiomas, maneira de se comportar, hábitos que nos dariam prazer. Isso revela muito sobre a cultura dessa espécie. Continuarei minha pesquisa.

27 de Junho de 2056

Fui afastado do meu cargo na equipe de pesquisa. O exército invadiu minha casa e levou o livro. Sorte a minha ter feito copia de algumas páginas antes do ocorrido. Fui advertido que se voltasse a sequer tocar no assunto seria reprimido. Entendo, afinal foi um roubo, mas não justifica a violência utilizada. Suzana foi colocada na equipe para suprir minha ausência. Pelo menos alguém de confiança estará lá.

29 de Junho de 2056

Um terço da população mundial já foi enviado para o Planeta Kanamita. As poucas mensagens recebidas pelos que foram, narram o lugar como um paraíso indescritível. Estou quase decifrando as páginas que guardei do livro.

03 de Julho de 2056

Consegui traduzir algumas partes do livro, mas não entendi o contexto. Não parece fazer muito sentido. Nunca mais recebi quaisquer notícias de Suzana ou sequer das descobertas. Nada mais vem sendo transmitido nem na televisão. Apenas as datas e detalhes a respeito das viagens.

05 de Julho de 2056

Descobri que na próxima viagem, dia sete, Suzana será uma das tripulantes. Parece que fui abandonado. Não há mais interesse em mim como apenas um civil. Isso não impedirá de continuar meus estudos com o material que tenho.

07 de Julho de 2056

Eu falhei, não consegui impedir que Suzana embarcasse naquela capsula. Ela devia saber o que descobri. Minha nossa, fomos todos enganados. O mundo precisa saber disso. Para servir os homens, é apenas um livro de culinária.

12 de Novembro de 2056

Depois de muito implorar, eles me devolveram meu diário. Meus esforços para advertir os humanos falharam, tal como tentar fugir. Estou há três dias nessa capsula, apenas esperando o meu momento. Deve faltar pouco para chegar ao planeta Kanamita. Eu que sempre me achei parte de uma espécie dominante, agora estou na fila, apenas como o ingrediente na sopa de alguém...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor não xingue nem fale nada abusivo. Tempo para responder comentários: Entre 6-24h.

Qualquer cometário com propaganda ou xingamentos será deletado.
Se quer divulgar seu blog, nos envie um e-mail propondo parceria.