Seguidores- Siga nosso Blog

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Fichas #114

Olá aqui é fariaairaf e vou postar sobre Feanor
Introdução
Fëanor é um personagem fictício criado por J.R.R. Tolkien dentro da mitologia de O Silmarillion.

Origem

Fëanor é uma mistura do quenya "Fëanáro" com o sindarin "Faenor" que significa "Espíritos de Fogo", A mistura do nome Faenor derivá-se de Aenor, que significa 'espirito do fogo', á 'tehta" 'F' exprime sentido pluralidade. Fëanor Primogênito de Finwë e único filho com sua primeira esposa, Míriel, a qual consumiu suas forças em seu nascimento, deixando-a exaurida e tirando dela a possibilidade de gerar novos filhos. É meio irmão de Fingolfin e Finarfin; maior de todos os Noldor e de muitas formas o maior de todos os Filhos de Ilúvatar, especialmente em habilidade de mente e de mãos. Porém era tão propenso a ser orgulhoso e irado quanto a ser inventor. Em Eldamar casou-se comNerdanel, que lhe deu sete filhos (MaedhrosMaglorCelegormCaranthirCurufinAmrod e Amras) e ajudou a lhe refrear os excessos de suas paixões. Muitas de suas habilidades na forja e na confecção de belas obras foram-lhe ensinadas por seu sogro Mahtan e pelo vala Aulë, que amava os Noldor acima de qualquer outra estirpe dosPrimeiros Filhos de Ilúvatar.

As Silmarils

Durante o período conhecido como a Primavera de Valinor, Fëanor realizou o que é considerado sua maior criação: as Silmarilli. É de sua autoria também os Tengwar e asPalantíri. Mas Melkor, desejoso pelas Silmarilli, semeou discórdia entre Fëanor e seu meio-irmão Fingolfin, até que Fëanor falou abertamente contra os Valar e sacou uma espada para Fingolfin. Por esse ato ele foi banido de Tirion por 12 anos, embora tenha se reconciliado com seu meio-irmão. Apesar de ter percebido as artimanhas de Melkor, Fëanor permaneceu desconfiado dos Valar e tornou-se excessivamente orgulhoso das Silmarilli.

A Condenação De Mandos

Quando as Duas Árvores foram envenenadas, ele se recusou a abrir mão das Silmarilli, as quais preservavam sua luz e que delas Yavanna precisaria para restaurá-las. Quando soube das tragédias seguintes de Melkor - o assassinato de seu pai Finwë e do roubo das Silmarilli -, Fëanor resolveu retornar à Terra-média em perseguição a Melkor, para vingança e recuperação, quando o chamou pela primeira de vez de Morgoth - O Sinístro Inimigo do Mundo, desafiando os Valar e fazendo o terrível Juramento de Fëanor pelo qual ele, seus filhos e Beleriand foram mais tarde condenados.

O Fratricídio de Alqualonde

Sem ser detido pelo banimento de Manwë ou pela Profecia de Mandos, Fëanor levou os Noldor adiante e em sua pressa e orgulho instigou o Fratricídio de Alqualondë, episódio no qual ele mata vários elfos Telerin e rouba seus barcos, e o abandono de Fingolfin e seu povo em Araman.

A Morte de Feanor

Na Terra-média, Fëanor imediatamente venceu a Dagor-nuin-Giliath, mas em sua ira e falta de cuidado perseguiu os Orcs que fugiam para Dor Daedeloth, onde foi cercado por Balrogs e após uma espetacular e violenta batalha foi finalmente ferido por Gothmog, o mais poderoso dos Balrogs. Embora salvo por seus filhos, morreu perto de Eithel Sirion , onde seu corpo foi consumido por seu espírito, antes de seguir aos Palácios de Mandos. Assim terminou aquele que trouxe aos Noldor "seu maior renome e suas mais profundas infelicidades". Seu nome era Curufinwë (curu = habilidade), e ele deu esse nome a seu quinto filho: Curufin. O filho de Curufin era Celembrimbor, autor dos três anéis dos elfos e mais tarde morto por Sauron. O elfo sempre ficou conhecido pelo nome lhe dado pela mãe, "Fëanáro" (para como este nome se tornou "Fëanor", vide topo do texto).


Fonte: Wikipédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor não xingue nem fale nada abusivo. Tempo para responder comentários: Entre 6-24h.

Qualquer cometário com propaganda ou xingamentos será deletado.
Se quer divulgar seu blog, nos envie um e-mail propondo parceria.